Função Pública passa a trabalhar 40 horas semanais

O Governo prepara-se para aumentar o horário de trabalho da Função Pública para 40 horas semanais. Esta será uma das medidas de poupança orçamental com que o Governo pretende compensar ainda este ano o “buraco” deixado pelo acórdão do Tribunal Constitucional. Desta forma, são poupadas horas extraordinárias e reduzidas as contratações.

Uma fonte do Executivo contactada pela TSF afirma que a poupança chega por dois caminhos: horas extraordinárias que deixam de ser pagas e professores que deixam de ser contratados, porque haverá um alargamento do horário de trabalho para os docentes dos quadros.

A mesma fonte assegura que está em cima da mesa um aumento da contribuição dos funcionários do Estado, para a ADSE e para outros sub-sistemas de saúde. Um aumento de 0,75%, de 1,5 para 2,25% do salário. Aqui, o Executivo conta arrecadar mais 90 milhões de euros.

Depois, está ainda prevista uma redução do pagamento a funcionários em regime de mobilidade especial: um corte que a fonte contactada pela TSF não quis especificar, mas que poderá chegar, no total, a 40 milhões de euros de poupança nos últimos seis meses do ano.

in http://www.jn.pt/PaginaInicial/Economia/Interior.aspx?content_id=3197338

NewLogoLMA-ADVOG Legal Award Winner 2012  awards2012logoLogo International Start-Up Advisory Awards 2013  Logo Ordem dos Advogados  logo_aea_grande

Necessita de ajuda? Entre em contacto connosco

[contact_form]

Redes sociais:
Marcados com:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

CAPTCHA (ANTI-SPAM) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.