Chefe de gabinete da ministra da Justiça demite-se

O chefe de gabinete da ministra da Justiça, João Miguel Barros, apresentou na segunda-feira a demissão do cargo, disse o próprio à Agência Lusa, mas negou divergências com a política de Paula Teixeira da Cruz.

“Esgotei-me nas funções de chefe de gabinete, mas mantenho total solidariedade nas reformas e na política da ministra da Justiça”, afirmou João Miguel Barros, sem adiantar mais pormenores sobre a sua saída do ministério, que terá efeitos a partir da próxima segunda-feira.

João Miguel Barros participou ativamente em várias reuniões com autarcas e com a Associação Nacional de Municípios sobre o futuro mapa judiciário.

Licenciado em Direito em 1982, João Miguel Barros, cujas principais áreas de atuação são o Direito Civil e Direito Comercial, foi assessor jurídico do Governador de Macau (1988-89) e assessor do Presidente da assembleia Legislativa de Macau (1989-92).

Vogal do Conselho Geral da Ordem dos Advogados Portugueses (2001-2004), foi chefe de gabinete do ministro da Justiça do XVI Governo Constitucional (2004-2005), designadamente de Aguiar Branco.

Foi ainda Coordenador do Plano de ação para a Justiça na Sociedade da Informação (2004-2005) e era chefe de gabinete da ministra Paula Teixeira da Cruz desde a posse do atual Governo.

in http://www.ionline.pt/portugal/chefe-gabinete-da-ministra-da-justica-demite-se

Logo Ordem dos Advogados   Legal Award Winner 2012logo_aea_grandeawards2012logo

Necessita de ajuda? Entre em contacto connosco

[contact_form]

Marcados com:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

*

CAPTCHA (ANTI-SPAM) * Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.